Cadáver encontrado em cova rasa no leito do Rio Quixeramobim é estudante desaparecida na última sexta-feira.

Jovem estudante desaparecida na última sexta-feira (17), após sair da academia de musculação na cidade de Quixeramobim, é encontrada por populares enterrada em uma cova rasa as margens do Rio que leva o mesmo nome da cidade.

Maria Eliza Ponciano da Silva, 18 anos, foi encontrada sem vida na tarde deste domingo (19), nesta cidade do Sertão Central. O corpo da jovem foi encontrado por moradores do bairro Jaime Lopes, na periferia da cidade. A presença de urubus, deixou os moradores atentos e foram verificar o que se tratava. Encontraram o cadáver, já em estado de putrefação. Reconhecido por familiares que estavam em busca de encontrarem a jovem.

Em seguida, foram solicitados, e compareceram ao local, o Delegado Luís plantonista da Delegacia Regional de Quixadá, o Perito Araújo da perícia forense e o rabecão, onde realizaram os procedimentos cabíveis, mas a causa da morte não foi identificada em razão do estágio de decomposição. Um laudo da necropsia será possível saber a causa da morte. A equipe da Delegacia Civil de Polícia já iniciou as investigações para identificar a autoria do crime.

Sugestões de Reportagens: 88 968 6 6694 Tim – 88 8849 5444 OI – 88 9233 8777 Claro. Inclua o Sertão Alerta entre os seus links favoritos. VC Repórter no WhatsApp 88 9 9686 6694.REI DO LANCHE

CLEUMIO PINTO RADIALISTA DRT/CE 5687 - MATRICULA 7723

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *