VENDEDORES AMBULANTES LAMENTAM CANCELAMENTO DO CARNAVAL DE QUIXADÁ

Quixadá

É cancelada a festa popular mais esperada pelos os associados da associação que agrega aos vendedores ambulantes da cidade e que na sessão ordinária dos vereadores foram recebidos e confirmado o apoio ao grupo para que seja realizado a festa momina. Marli Araújo em seu depoimento no plenário lamentou os últimos oito anos que não foi realizado um grande carnaval, “fui obrigada e retirar minha filha da faculdade pois não tenho de onde tirar renda para pagar os estudos dela”, afirmou a tesoureira da associação.

VENDEDORES DURANTE A SESSÃO DA CÂMARA DE VEREADORES

No final da tarde o prefeito municipal, Ilário Marques (PT), através de sua assessoria confirmou o cancelamento da licitação que se encontrava em andamento para a realização da festa, o cancelamento atendeu uma recomendação do Ministério Público. O associados da Associação dos Comerciantes em Eventos de Quixadá (COEVENTOS), lamentaram e apelam aos empresários que realizem a festa.

A previsão de gasto com a festa pública era de R$ 168.949,90. A licitação seria realizada na próxima segunda-feira (22). Na recomendação o representante do MP, Marcelo Cochrane, justifica ter levado em consideração o fato de o Município estar passando por sérias dificuldades financeiras, chegando, inclusive, a declarar situação de calamidade financeira, a editar decretos que tratam sobre a adoção de medidas para reduzir as despesas nos órgãos e entidades da gestão e a anular concurso público.

O Ministério Público não é contra a realização de festas de carnaval pelo Poder Público, desde que este se encontre em uma situação financeira confortável e que o gasto com a promoção do evento não possa impactar na prestação de serviços públicos essenciais. Diante de todos os fatos referentes à situação financeira de Quixadá, não parecia nada razoável o dispêndio de R$ 168.949,90 com festas custeadas com os escassos recursos públicos”, afirma Marcelo Cochrane.

A Prefeitura Municipal de Quixadá enviou para a imprensa local o seguinte comunicado:

“Comunicado – Carnaval 2017

A Prefeitura Municipal de Quixadá, considerando o ofício 041/2017/PROMOTORIA JECC QUIXADÁ/MPCE que trata sobre a recomendação de cancelamento do processo licitatório de realização do CARNAVAL POPULAR 2017 comunica que acata a referida recomendação.

Reafirmamos que o referido evento foi planejado e está em conformidade com a capacidade financeira, a lei orçamentária e o plano plurianual do município, sem prejuízo a nenhum serviço essencial.

A não realização traz prejuízo de cunho cultural, turístico e econômico e quebra com o ciclo de revitalização e estratégia de desenvolvimento pautada no fortalecimento do comércio e turismo de nossa cidade.”

Sugestões de Reportagens: 88 968 6 6694 Tim – 88 8849 5444 OI – 88 9233 8777 Claro. Inclua o Sertão Alerta entre os seus links favoritos. VC Repórter no WhatsApp 88 9 9686 6694REI DO LANCHE

CLEUMIO PINTO RADIALISTA DRT/CE 5687 - MATRICULA 7723

One thought on “VENDEDORES AMBULANTES LAMENTAM CANCELAMENTO DO CARNAVAL DE QUIXADÁ

  1. Batista Reply

    Neste município sem professor, o prefeito quer ensinar a folia de momo às nossas custas ! E a filha da Sra. Marli nem entrou na faculdade, pois oito (8) anos já se passaram sem carnaval, que é, ou era, sua fonte de renda. Viveu este período de que atividade ? Vamos ser sinceros !

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *