Primeira recém-nascida transportada pela Ciopaer para HRSC recebe alta

Alegria e emoção de uma mãe em ver a recuperação da filha. Assim se descreve a operadora de caixa Ana Cláudia Ferreira, 30. No último dia 22, ela teve um parto prematuro em um hospital de Várzea Alegre. No dia seguinte, mãe e filha foram transportadas para o Hospital Regional do Sertão Central (HRSC), em Quixeramobim, do Governo do Ceará. Ana Vitória recebeu alta na quinta-feira, 11 de abril.

Vitória e Ana Cláudia foram transportadas pelo serviço aeromédico da Coordenadoria Integrada de Operações Aéreas (Ciopaer), que funciona em parceria com o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU 192 Ceará). Ela nasceu prematura de 32 semanas, ficou internada quinze dias na Unidade de Terapia Intensiva Neonatal (UTI Neo) e mais quatro dias na Unidade de Cuidados Intermediários (UCI) do HRSC.

“É uma vitória estar aqui hoje com minha filha bem. Estou muito feliz mesmo. Estive aqui com ela todos os dias”, disse emocionada ao receber a alta hospitalar da filha. De acordo com a médica neonatologista Carla Soares, a criança tinha baixo peso e dificuldade para respirar. “A paciente chegou abaixo do peso e com a síndrome do desconforto respiratório, que é uma patologia que atinge os prematuros, além de outras complicações”, afirmou.

A recém-nascida contou com todo o suporte técnico e profissional para ter uma plena recuperação. Segundo a médica, nos primeiros dias, o quadro clínico dela era instável, mas depois teve uma melhora significativa. “O tratamento fez efeito e precisou de nenhuma outra medida mais agressiva. Evoluiu extremamente bem, ganhou peso, aprendeu a mamar. Recebeu alta em boas condições clínicas e com os exames normais. Como ela nasceu prematura, precisará vir para fazer consultas de rotina no nosso ambulatório”, ressaltou Carla.

Referência

O Hospital Regional do Sertão Central teve o serviço de neonatologia implantado em dezembro de 2018. É composto pela UTI Neonatal e pela Unidade de Cuidados Intermediários (UCI). “Aqui é muito bom. Minha filha foi bem atendida. Foi maravilhoso. Só tenho a agradecer a todos”, enfatizou Ana Cláudia.

Esse é um serviço de grande relevância para a região e até mesmo para o Estado como um todo. Como o hospital fica localizado em um município que está no centro geográfico do Ceará, a distância para as demais regiões é a mesma. Com isso, o tempo dos recém-nascidos chegarem até o nosso serviço é menor. Vamos continuar ajudando a rede de saúde para garantir uma assistência de qualidade para os recém-nascidos que necessitarem de um atendimento especializado”, destaca o diretor de processos assistenciais do HRSC, Cristiano Rabelo.

O HRSC é um hospital terciário de alta e média complexidade, que atende pacientes encaminhados via Central de Regulação. Todos os pacientes que chegam ao hospital são encaminhados pelas secretarias municipais de saúde ou pelos hospitais da macrorregião pela Central de Regulação do Estado.

Sugestões de Reportagens: 88 968 6 6694 Tim – 88 98110 1111 Vivo – 88 2147 0720 Fixo. Inclua o Sertão Alerta entre os seus links favoritos. VC  Repórter no WhatsApp 88 9 9686 6694. Curta nossa página no Facebook

CLEUMIO PINTO RADIALISTA DRT/CE 5687 - MATRICULA 7723

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *