Agosto, mês dos pais: o papel deles no acompanhamento da vacinação dos filhos

O publicitário Jorge Freire, autor do blog Nerd Pai, conta um pouco sobre sua experiência no cuidado com a saúde dos filhos

Ver um filho crescer saudável é o sonho de qualquer pai. Mas quando o assunto é a saúde dos pequenos e as formas de protegê-los contra doenças graves, muitas dúvidas ainda surgem. Para a Sociedade Brasileira de Imunizações (SBIm), manter a caderneta de vacinação das crianças em dia é uma ferramenta eficaz para o controle de diversas doenças com prevenção através da vacinação como sarampo e poliomielite.1

O publicitário Jorge Freire, autor do blog Nerd Pai, acredita que pais e mães têm papel importante na vacinação dos filhos e acompanha rigorosamente a caderneta do Leonardo, de 8 anos, e da Bruna, de 2 anos. “Somos uma chave valiosa na educação dos nossos filhos. Ensinamos a viverem em sociedade e mostramos, todos os dias, as regras para o bom convívio. E a vacinação é fundamental para que possamos manter não só a saúde dos nossos filhos, como também de toda a sociedade. Como eu trabalho em casa e tenho mais flexibilidade, a responsabilidade de levar as crianças para se vacinarem é minha”, conta Jorge.

O Ministério da Saúde recomenda que todas as crianças vacinadas conforme o calendário do Programa Nacional de Imunizações (PNI) e as vacinas estão disponíveis gratuitamente nos postos de saúde pelo Sistema Único de Saúde (SUS).2,8

Na casa do Jorge, as cadernetas de vacinação do Leo e da Bruna estão sempre atualizadas. “Nós ficamos atentos à todas as campanhas do Ministério da Saúde e sempre perguntamos aos pediatras dos nossos filhos sobre as vacinas recomendadas. Com essa prevenção, eles nunca tiveram doenças como catapora, rubéola, caxumba e sarampo”, conta Jorge.

Vacinação

A vacinação é uma das formas mais seguras para evitar diversas doenças como meningite, sarampo, rubéola, caxumba, poliomielite, pneumonia, entre outras.3

A meningite meningocócica é uma infecção bacteriana das membranas que envolvem o cérebro e a medula espinhal, podendo causar sequelas e até mesmo levar a óbito.4,5 É causada pela bactéria Neisseria meningitidis que possui 12 sorogrupos identificados, sendo que cinco deles são os mais comuns (A, B, C, W e Y).4,5

A vacina para prevenção da doença meningocócica causada pelos sorogrupos A, C, W e Y é indicada para crianças a partir dos 2 meses de idade, adolescentes e adultos.6 Já a vacina para a proteção contra a doença meningocócica causada pelo meningococo B é indicada para indivíduos dos dois meses aos 50 anos de idade.7 Nos postos de saúde, a vacina para proteção contra a doença causada pelo meningococo C é gratuita para crianças menores de 5 anos de idade e adolescentes de 11 a 14 anos.8

Para mais informações, consulte o seu médico.

Sugestões de Reportagens: 88 9686 6694 Tim – 88 8849 5444 OI – 88 2147 0720 Fixo. Inclua o Sertão Alerta entre os seus links favoritos. VC Repórter no WhatsApp 88 9 9686 6694. sertãoalerta.com@gmail.com.

SANTA CLOTILDE

CLEUMIO PINTO RADIALISTA DRT/CE 5687 - MATRICULA 7723

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *